Entrada > Notícias > Envejeciendo en la frontera - projeto FES-ABLE

Envejeciendo en la frontera - projeto FES-ABLE

Investigação

O Centro de Investigação em Reabilitação (CIR_CEMAH) da Escola Superior de Saúde do Politécnico do Porto participa em Projeto de Investigação Ibérico financiado pela Fundacíon General CSIC (FGCSIC) de Espanha.


“Envejeciendo en la frontera” trata-se da divulgação de um conjunto de projetos de investigação colaborativa e inovadora sobre o envelhecimento, produzida pela Fundación General CSIC (FGCSIC), Espanha.

Um dos projetos protagonistas deste conjunto trata-se do projeto FES-ABLE: Impacto de um protótipo baseado em Eletroestimulação Funcional (FES) multicampo na qualidade de movimento do membro superior após Acidente Vascular Cerebral, promovido pela Escola Superior de Saúde do Politécnico do Porto (ESS | P. PORTO), na forma do Centro de Investigação em Reabilitação (CIR) – Centro de Estudo do Movimento Humano, em conjunto com um dos maiores centros tecnológicos da Europa, a Fundación Tecnalia, e financiado pela Fundación General CSIC.

No vídeo Ferramentas para a reabilitação funcional da mão após um acidente vascular cerebral , Thierry Keller, diretor da Área de Neuroreabilitação da Fundación Tecnalia, explica a importância do desenvolvimento de tecnologias inovadoras para a recuperação da funcionalidade dos indivíduos com sequelas após Acidente Vascular Cerebral (AVC).

O objetivo do projeto FES-ABLE centrou-se na avaliação do impacto da aplicação de estimulação elétrica no membro superior, com recurso a um dispositivo denominado FES-HAND. 

Atualmente, o AVC é a principal causa de incapacidade em adultos, sendo que, mais de metade dos sobreviventes de AVC demonstram disfunção moderada a severa dos movimentos do membro superior. O desafio de melhorar o movimento deste segmento contou com uma equipa interdisciplinar de profissionais de saúde e investigadores da área do movimento do CIR e engenheiros da Fundación Tecnalia. Foram desenvolvidas a assistência ao movimento, a capacidade de auxiliar na execução de tarefas do dia-a-dia e o treino da funcionalidade.

O projeto FES-ABLE incluiu o desenvolvimento de um protótipo de tecnologia de reabilitação, o estudo da sua usabilidade e a avaliação do impacto desta tecnologia de forma quantitativa, através de equipamentos de medição da qualidade do movimento existentes no Laboratório do Movimento Humano do CIR.

 

Equipa colaboradora projecto FES-Hand - CIR:

  • Prof. Dr. Rubim Santos, PhD
  • Prof. Dr. Andreia Sousa, PhD
  • Prof. Dra. Cláudia Silva, PhD
  • Prof. Dr. Rui Macedo, PhD
  • Fisioterapeuta Inês Mesquita, MsC
  • Fisioterapeuta Juliana Moreira, MsC
  • Fisioterapeuta Edgar Ribeiro, MsC
  • Fisioterapeuta Ana Cristina Sousa, Bsh

Autor

arpl

Partilhar